EQAVET

Quadro de Referência Europeu de Garantia da Qualidade para o Ensino e a Formação Profissionais (Quadro EQAVET)

O Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto inicia pela primeira vez o caminho para a implementação de sistemas de garantia da qualidade alinhado com o Quadro de Referência Europeu de Garantia da Qualidade para o Ensino e a Formação Profissionais (Quadro EQAVET).

“O Quadro EQAVET, instituído pela Recomendação do Parlamento Europeu e do Conselho de 18 de junho de 2009, foi concebido para melhorar a Educação e Formação Profissional (EFP) no espaço europeu, colocando à disposição das autoridades e dos operadores de EFP ferramentas comuns para a gestão da qualidade assentes numa forte articulação entre os diferentes stakeholders (decisores políticos, organismos reguladores, operadores de EFP, alunos/formandos, profissionais de EFP e de orientação, encarregados de educação, empresários e outros parceiros sociais) e no desenvolvimento, monitorização, avaliação e melhoria contínua da eficiência da oferta.”

(em Guia para o Processo de Alinhamento com o Quadro EQAVET)

Equipa EQAVET – Organigrama

Informação aos Stakeholders

Relatório do questionário "As minhas expetativas"

Relatórios de Avaliação e Revisão do Plano de Ação




Registos dos Indicadores EQAVET

Relatórios de Satisfação dos Stakeholders

Relatórios de progresso anual

Formulário

Comprometido num processo de promoção de melhoria contínua, o Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto só poderá crescer e desenvolver-se caminhando na mesma direção que os seus Parceiros. A opinião e as sugestões de melhoria dos nossos Stakeholders são fundamentais para que a Nossa Escola possa oferecer um ensino de qualidade, adequado às necessidades dos alunos e da comunidade. O Nosso Agrupamento quer fazer mais e melhor! Nesse sentido, pedimos-lhe que, de uma forma muito sucinta, nos deixe algumas sugestões de melhoria! Muito obrigado!

Publicações

27 Janeiro, 2023No passado dia 26 de janeiro 2023, os alunos dos Cursos Profissionais visitaram o parque de Ciência e Tecnologia de Guimarães: AVEPARK. Este parque constitui uma infraestrutura de excelência funcional para a instalação de empresas de grande intensidade em conhecimento científico e tecnológico. Após ter sido apresentado o ecossistema empreendedor de Guimarães pelo Dr. Rui Pinheiro (Set.Up Guimarães, Avepark, Pitch OrtHos e BabyPotter), os alunos foram divididos em dois grupos e encaminhados, uns para assistirem a 2 Pitch (das empresas anteriormente referidas) e outros para visitarem uma das empresas aí sediadas a Farfetch – https://www.farfetch.com/  (uma das empresas com maior sucesso nacional da atualidade no setor tecnológico). Os alunos puderam contactar com a dinâmica do mundo do trabalho tecnológico, especificamente a fotografia de modelos para colocação do produto em catálogo, e posterior edição da imagem. Pode referir-se que esta dinâmica agrega cerca de 600 funcionários sendo que, por exemplo num dos spots, o fotógrafo chega a fotografar diariamente cerca de 350 itens em que cada um contém 8 ou 9 fotos. Posteriormente os alunos puderam assistir a uma palestra conduzida pela Coordenadora do núcleo dos CTESP do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave onde conheceram a oferta formativa deste instituto e condições de acesso aos respetivos cursos técnicos superiores. Foi um dia muito interessante de conhecimento da realidade na área das tecnologias! Os alunos [...]
15 Novembro, 2022Na disciplina de Técnicas de Acolhimento e Animação, na UFCD 3479, relacionada com “Procura e oferta turística”, fomos conhecer a Loja Interativa de Turismo de Mondim de Basto. Para além de todas as outras formas de divulgação da nossa oferta turística, aprendemos a explorar o “Tomi”. O “Tomi” é um equipamento interativo de exterior e interior (no próprio posto de turismo) pensado para os turistas e habitantes, com vista a facultar informação útil e de interesse, de forma fácil, rápida e integrada, 24h por dia. O equipamento disponibiliza a informação em vários idiomas.  O equipamento disponibiliza informação dinâmica no cabeçalho (local, hora, meteorologia diária e para os próximos dias) seguido de uma área de vídeo de 4 grandes botões, que funcionam como os grandes módulos do equipamento: Agenda, Notícias, Diretório e Transportes, dispondo ainda do botão para tirar fotos selfies. No Diretório acede-se ao núcleo de informação útil e turística, que reúne informações de interesse como pontos de atração turística e ainda pontos úteis (farmácias, hospitais, polícia, etc). Estas informações são segmentadas a partir de categorias como Onde Comer, Onde Dormir, Atrações, O que fazer, Shopping, Utilitários, etc. Os pontos de interesse são apresentados em todos os equipamentos segundo critérios de proximidade, ou seja, os primeiros pontos do resultado da pesquisa são os mais próximos daquele TOMI e são acompanhados de um mapa do local, título, descrição, imagens e, ainda, de QR Codes para download direto de coordenadas geográficas, partilha de informação diretamente para as redes sociais ou qualquer informação complementar. Foi uma aula diferente e interessante que nos vai permitir compreender melhor os assuntos ainda a serem tratados nesta UFCD. Laisa Coutinho 10.ºC     [...]
27 Maio, 2022No dia 18 de maio 2022, decorreu mais uma iniciativa EQAVET, no auditório da Escola Básica e Secundária de Mondim de Basto. Esta segunda sessão de esclarecimento para alunos 9.º ano, e respetivos Encarregados de Educação, teve como objectivos: a divulgação da Oferta Educativa 2022/2023; a apresentação de testemunhos de stakeholders externos, alunos das várias opções de percurso escolar no Ensino Secundário e esclarecimentos relacionados com as mesmas. Os convidados Sra. D. Maria José Martins, gerente do Parque de Campismo de Mondim de Basto, stakeholder externo, parceiro da Escola há vários anos; Luís Reis, ex-aluno do Curso Profissional Técnico de Turismo Ambiental e Rural que ingressou no mercado de trabalho, logo após terminar o curso; Fernando Rodrigues, aluno 12º ano do Curso Profissional Técnico de Instalações Elétricas, que pretende prosseguir estudos superiores nesta área; Inês Félix, aluna do 12º ano Curso de Ciências e Tecnologia, que pretende igualmente prosseguir estudos nesta área; Débora Machado, aluna do 12º ano do Curso Línguas e Humanidades, que pretende prosseguir estudos, deram os seus testemunhos. Seguiu-se uma apresentação detalhada da Oferta Educativa para o próximo ano letivo indicando-se os aspetos específicos de cada uma das áreas, bem como, o respetivo elenco curricular. Ao longo da sessão, houve lugar à colocação de questões, por parte dos alunos do nono ano e respetivos encarregados de educação, que participaram com bastante interesse, cientes que estão da importância de boas escolhas, nesta altura do percurso académico dos seus educandos. Unanimemente manifestaram uma opinião francamente positiva sobre a pertinência e eficácia de sessões tão esclarecedoras quanto esta, num momento crucial para a escolha das áreas nas quais os alunos, no futuro, farão carreira profissional. Por último, a professora Anabela Rodrigues agradeceu, em nome da equipa EQAVET e SPO, a presença de todos, esperando ter contribuído para as escolhas futuras dos discentes, de forma objetiva e profícua.   [...]
6 Maio, 2022No passado dia 29 de abril de 2022, no auditório da Escola Básica e Secundária de Mondim de Basto, a equipa EQAVET organizou uma sessão de esclarecimento para alunos 9.º ano e respetivos Encarregados de Educação, prosseguindo os principais objetivos:   – Apresentação do processo EQAVET; – Divulgação da Oferta Formativa; – Apresentação de testemunhos de stakeholders.   De modo a corresponder a este último objetivo, a sessão contou com os preciosos testemunhos dos seguintes stakeholders/parceiros externos:   Maria João Oliveira, ex-aluna do Curso Profissional de Técnico de Multimédia que prosseguiu estudos para o Ensino Superior, começou por agradecer o convite da professora Anabela, mencionou a importância de ter frequentado um curso profissional na nossa escola, para a escolha da sua carreira futura. Desta forma, encontrando-se agora a frequentar a Licenciatura de Multimédia na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, a discente reconheceu ser crucial a opção que teve, anos antes, de ter enveredado pelo ensino profissional. Essa escolha permitiu-lhe obter uma carteira profissional que lhe permitiria ingressar mais rapidamente no mercado de trabalho, se assim o desejasse, mas tendo escolhido prosseguir estudos para a universidade, as várias disciplinas, sobretudo da componente técnica do curso profissional que frequentou na nossa escola viabilizaram uma melhor preparação técnica para as disciplinas mais específicas da licenciatura que agora frequenta, no ensino superior. A aluna sublinhou que as condições e meios técnicos disponibilizados pela escola eram, já na altura e ainda hoje, uma mais valia apreciável, para o acesso dos discentes às novas tecnologias, facto decisivo no seu percurso escolar e que facilitou, aliás, o know-how tecnológico que atualmente possui. Acrescentou ainda que a disponibilidade demonstrada pelos formadores/docentes nos seus tempos de aluna da escola e inclusive hoje em dia se revelou e se revela apreciável numa escola que sempre pautou as suas abordagens pela atenção e proximidade. Ressalvou, por último, que os indispensáveis hábitos de trabalho, dedicação e empenho nos estudos nortearam constantemente o seu percurso académico, seja na nossa escola, seja na Universidade, o que lhe tem permitido alcançar francos sucessos, ao longo de toda a sua carreira académica.   Ricardo Miguel Barroso Rodrigues, deixou também o seu testemunho e experiências. Sendo ex-aluno do Curso Profissional de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos, encontra-se a trabalhar na área de formação do curso que frequentou depois de ter terminado o curso profissional no nosso agrupamento, com sucesso, não sentindo qualquer arrependimento por ter enveredado imediatamente no mercado de trabalho. Neste momento, exerce a sua atividade profissional na empresa “Informondim”, que inclusivamente o acolheu durante o seu estágio profissional. Acrescentou que a opção pela entrada imediata no mercado de trabalho, após o décimo segundo ano é tão válida como o prosseguimento dos estudos para o ensino superior e se apresenta como uma mais valia dos cursos profissionais. Declarou ser muito feliz no local onde trabalha, valendo-se dos conhecimentos adquiridos durante a formação que obteve na nossa escola.   O Sr. Carlos Queirós – empresário, responsável pela empresa “Informondim” deixou também o seu testemunho. Recebendo, habitualmente, alunos dos cursos profissionais para realizarem Formação em Contexto de Trabalho (vulgo Estágio), é também empregador de ex-alunos da Escola. Declarou que a sua formação apesar de se localizar ao nível do secundário, foi preponderante para a sua atividade profissional. A experiência de acolher alunos estagiários de cursos profissionais da escola revela ser enriquecedora devido a viabilizar a incorporação de todo um saber-fazer que se revela essencial para a sua empresa. O Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto revela-se como um parceiro estratégico de inegável valor, não só a nível da força laboral que viabiliza, mas sobretudo no que toca ao aporte de conhecimento, essencial numa área em constante evolução. No final da sessão, houve lugar à colocação de várias questões por parte dos alunos do nono ano, que manifestaram interesse e participação, conscientes da necessidade de efetuar escolhas decisivas, nos tempos que se avizinham. Por último, a professora Anabela Rodrigues agradeceu, em nome da equipa EQAVET, a presença de todos, esperando ter contribuído para as escolhas futuras dos alunos, de forma objetiva e profícua.   [...]
29 Abril, 2022 o Projeto Jovens Empreendedores promove ações de empreendedorismo nas escolas secundárias/Centros de Formação do território de atuação da Associação de Municípios de Baixo Tâmega. Este é um projeto que resulta da identificação da falta de competências de empreendedorismo e comportamentais/transversais e tecnológicas dos jovens, em idade escolar, prestes a entrar no mercado de trabalho.  Desta forma, o foco do programa centra-se no desenvolvimento de competências empreendedoras e tecnológicas através de um sistema alternativo de educação não formal. Isto inclui um conjunto de ações, nomeadamente, workshops de capacitação e autoconhecimento, Bootcamps, mentoria, entre outras, que culmina num Concurso de ideias de Negócios.  Pretendeu-se com este projeto ajudar os jovens a questionarem, de forma crítica e construtiva, a sua visão sobre o Mundo, contribuindo para uma sociedade 5.0 – baseada na tecnologia e centrada na humanidade. Acreditamos que este projeto ajuda a formar jovens mais preparados para uma sociedade mais proativa, participativa e socialmente equilibrada. O Bootcamp desenvolveu-se em vários dias, tendo como público alvo os alunos do 12.º ano, do ensino regular e profissional do Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto . Esta atividade contou com a presença/participação dos stakeholders externos Sónia Cunha da SoL Consulting – Consultadoria Empresarial, Carla Costa da PorTrilhos e Gabriela Machado da  Desenhar Futuros – Saúde, Educação e Bem-Estar . O agrupamento agradece aos dinamizadores do Projeto Jovens Empreendedores e a todas a empresas presentes, o trabalho nesta atividade que, estamos certos, foi muito profícua para os nossos alunos. [...]
25 Março, 2022Já foi divulgado o despacho normativo com as informações do Regulamento das Provas de Avaliação Externa e das Provas de Equivalência à Frequência dos Ensinos Básico e Secundário para o ano letivo 2021/2022  (ver aqui), que contém as informações sobre os exames nacionais. Assim, informa-se a comunidade escolar em geral e os alunos dos 11º e 12º anos em particular, que o período de inscrições para a 1ª fase dos exames nacionais e das provas de equivalência à frequência decorrerá entre os dias 25 de março e 4 de abril. As inscrições são realizadas exclusivamente através da Plataforma de Inscrição Eletrónica em Provas e Exames (PIEPE), cujo endereço é https://jnepiepe.dge.mec.pt Salienta-se que antes da inscrição é necessário proceder ao registo na referida plataforma. Na sequência do registo é enviado para o endereço de email indicado um link de ativação que estará ativo apenas durante 15 minutos. Se a conta não for ativada naquele período de tempo, é necessário proceder a novo registo.   Os alunos que pretenderem candidatar-se ao ensino superior público devem pedir a senha de acesso ao sistema de candidatura on-line da Direção-Geral do Ensino Superior  (https://www.dges.gov.pt/online/SenhaAcesso/Pedir.aspx) e, no ato de inscrição nos exames finais nacionais, devem inserir na PIEPE o recibo do pedido de atribuição de senha.   Qualquer dúvida ou esclarecimento entre em contato com os serviços administrativos do Agrupamento através do email – secretaria@agrmondimbasto.com – ou do contato 938597469/255246140 Os alunos interessados podem dirigir-se aos serviços administrativos para ajuda no preenchimento da inscrição. [...]
21 Março, 2022O dia 14 de março é conhecido mundialmente como o Dia do Pi (π), desde há muitos anos. Em Novembro de 2019, na sua 40.ª Assembleia Geral, a UNESCO aprovou uma moção em que proclamou oficialmente esta data como o Dia Internacional da Matemática. O objetivo deste dia é ser um momento especial para celebrar a Matemática, em todas as suas formas e em todo o mundo. No âmbito da comemoração do Dia Internacional da Matemática/Dia do Pi no nosso Agrupamento, foram lançados aos alunos diferentes desafios, adequados ao respetivo ano de escolaridade. Os trabalhos foram expostos na nossa escola sede, e alguns deles encontram-se exposto na biblioteca municipal, onde podem encontrar, também, a exposição “Os relógios de Sol e a Matemática”. O grupo de matemática agradece a todos os alunos do 2.º, 3.º ciclos e secundário, que genuinamente se empenharam, nos desafios colocados pelos seus professores de Matemática em cada turma, dando largas à sua criatividade. Por fim, deixamos aqui algumas informações e curiosidades sobre o número Pi: O número Pi (representado habitualmente pela letra grega π) é o irracional mais famoso da história, com o qual se representa a razão constante entre o perímetro de qualquer círculo e o seu diâmetro. Na realidade, como número irracional, Pi é expresso por uma dizima infinita não periódica, que nos dias de hoje, com a ajuda dos computadores, já é possível determinar com centenas de milhões de casa decimais. Aqui aparecem os primeiros cinquenta algarismos de Pi: π = 3,14159 26535 89793 23846 26433 83279 50288 41971 69399 3751 A escolha da data para o Dia do Pi prende-se com o facto da notação das datas, em alguns países, ser MM/DD e não DD/MM. Assim, a notação do dia 14 de março é 3/14, a aproximação mais conhecida de Pi (3,141592653589793238462643383…).” O génio Albert Einstein nasceu no dia 14 de março de 1879. [...]
8 Março, 2022Decorreu no passado dia 3 de março uma ação de Capacitação do projeto “Curtir Ciência – Aprender Robótica”, no âmbito do “Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar do Ave – PIICIE do Ave”, financiado pelo Norte 2020/FSE. As duas capacitações ONLINE – WEBINAR, proferidas pelo Prof. Fernando Ribeiro, do Laboratório de Automação e Robótica da Universidade do Minho, com os temas: -Às 14:30 – Programação Básica (45 minutos) (10 minutos de intervalo – com projeção de vídeos de robôs) Participaram as turmas 7ºA com as Professoras Anabela Leite e Sandra Monteiro, 11ºC com a professora Raquel Teixeira e 12ºD com a professora Elisabete Florindo – Às 15:25 – Programação do robô botnroll (45 minutos) Participaram as turmas 6ºA com as Professoras Anabela Leite e Amélia Fernandes, 11ºC com a professora Raquel Teixeira e 12ºD com a professora Elisabete Florindo No âmbito do projeto “Curtir Ciência – Aprender Robótica”, cada agrupamento de escolas tem uma participação gratuita na RoboParty 2022, que vai decorrer nos dias 7-9 de Abril. Esta participação vai permitir trazer para a sua escola um robô móvel e autónomo que poderá ser usado nas suas aulas, ou mesmo para participar em competições de robótica, ou fazer outras demonstrações. A RoboParty decorre anualmente desde 2007 no pavilhão da Universidade do Minho (Azurém), e consiste num evento de 3 dias, onde cada equipa monta o seu próprio robô. Sempre acompanhados por pessoas experientes, os alunos soldam os componentes eletrónicos na placa controladora, montam a parte mecânica, programam o Robô (Arduino) e ainda podem participar em 3 desafios científicos. Toda a formação na RoboParty é dada por eles. No final do evento o Robô pertence à equipa (agrupamento de escolas). Vídeo descritivo da RoboParty: https://www.youtube.com/watch?v=0gdCw-vlY2U Mas para que as equipas possam participar na RoboParty, têm que se inscrever no site da RoboParty em www.roboparty.org As inscrições já estão abertas, mas têm como prazo limite o dia 10 de Março. Cada equipa é composta por 1 professor e 3 alunos (8º e/ou 11º). O professor não tem que saber robótica ou programar, basta acompanhar os alunos, porque toda a formação é dada pelos organizadores. Para mais informações sobre como inscrever uma equipa, pode consultar o PDF em anexo. O professor responsável de cada agrupamento, após proceder à inscrição da equipa, deverá de seguida enviar um email para fernando@dei.uminho.pt com o nome da sua equipa, para indicar que essa equipa vai participar no âmbito do projeto “Curtir Ciência – Aprender Robótica”, e para que a inscrição seja gratuita.   Importa ainda realçar que o professor que acompanha os alunos nesses 3 dias, têm o benefício de ter considerada uma formação acreditada, com 1,2 unidades de crédito (também esta gratuita). Ver informação abaixo. Lista das Escolas que participaram nas capacitações. FAFE Esc. Sec. Fafe EB Montelongo EB Silvares S. Martinho GUIMARÃES EB23 Abação EB23 Fernando Távora EB23 Abel Salazar EB23 Afonso Henriques EB23 Briteiros Esc. Sec. Taipas EB23 Arq. Mário Cardoso EB23 Egas Moniz Esc. Sec. Francisco Holanda EB23 João de Meira EB23 Santos Simões Esc. Sec. Martins Sarmento MONDIM DE BASTO Agrup. Escolas Mondim PÓVOA DE LANHOSO Esc. Sec Póvoa Lanhoso EB23 Gonçalo Sampaio VIZELA Esc. Sec Infias Esc. Sec. Vizela Esc EB23 Caldas de Vizela [...]
10 Novembro, 2021Na UFCD 4333 da disciplina de TAA, foi planificado por mim Daniela Morais e pela minha colega Diana Ribeiro, alunas do 12ºC, do Curso de Turismo Ambiental e Rural, uma atividade que culminou num baile de Halloween. Esta tarefa prendia-se com a necessidade de aprendermos a planificar e realizar uma atividade com total autonomia. Perceber, desenvolver, criar e concretizar: foram os passos que percorremos para a sua concretização. O baile decorreu no bar dos alunos, no dia 29 de outubro, no último bloco da tarde. Inscreveram-se 113 alunos e compareceram 101. Esses participaram com a respetiva autorização dos encarregados de educação e cumpriram com as normas de higienização para estar no espaço. Com uma sala decorada a preceito, muita música, boa disposição e colegas muito bem caracterizados decorreu a nossa atividade. Foi eleito o rei e rainha da festa que de entre todos foram os mais originais: Tiago Farroco do 6ºC e Luna Dinis do 10ºA. Por forma de concluirmos a atividade passamos um inquérito a metade dos participantes para recolhermos as suas opiniões. Dos 50 inquiridos todos responderam “Gostei” à questão:” Qual o teu grau de satisfação relacionado com esta atividade?”. Quando inquiridos sobre “Como classificariam esta actividade” 3 referem que esteve “Bem organizada, mas pouco interessante” e 47 referiram “Bem organizada e divertida”. Há questão se “Consideras importante este tipo de atividades desenvolvida por alunos para alunos” todos responderam “Sim”. Quanto às sugestões solicitadas tivemos as seguintes respostas: “Poderia ter durado mais”; “ser todos os dias” “ser mais adequada ao espaço”. Estes inquéritos estão na nossa posse para arquivo. De uma forma geral consideramos que a actividade cumpriu a planificação e que a teoria estudada foi aplicada na prática: aprendemos a, autonomamente, pensar, criar e executar uma actividade com toda a logística que isso implica. Daniela Morais 12ºC [...]
19 Outubro, 2021O Curso Profissional de Técnico de Turismo Ambiental e Rural, 12.º C, na UFCD 4333 “ Planeamento e organização de projectos de animação” de TAA, recriou uma desfolhada tradicional, na escola sede do Agrupamento. Nos dias anteriores a esta atividade, que decorreu na tarde do dia 13 de outubro do corrente ano, a minha turma elaborou uma pesquisa para conhecer e dar a conhecer as etapas do cultivo do milho, as alfaias agrícolas usadas (tendo conseguido fazer uma pequena exposição com as mesmas), o uso culinário do milho e as tradições que existem á volta do mesmo. Para esta desfolhada foram convidados os professores, auxiliares da educação e os nossos encarregados de educação. O milho foi-nos facultado por um familiar de uma colega da turma e transportado pelos funcionários da Câmara Municipal, tendo o Sr. Carlos Ferreira, ficado toda a atividade connosco já que sabia todas as etapas da desfolhada e nos ajudou a tornar esta atividade o mais genuína possível. Para revivermos esta tradição, que tão ligada a eventos turísticos se tornou, a turma veio vestida com roupas da época. Ao som de músicas tradicionais, vestidos a rigor e com vontade de encontrar o milho rei (foram encontradas 4 espigas de milho rei), a desfolhada decorreu num ambiente de alegria e aprendizagem: com uma tradição tão nossa o setor do turismo pode criar momentos inesquecíveis a quem aderir a iniciativas similares. No final recriamos ainda as merendas típicas destas tarefas agrícolas. As encarregadas de educação que estiveram presentes na atividade, assim como os professores e auxiliares de educação, foram exemplares e rapidamente entraram no mesmo espírito animado da atividade. Foi uma atividade muito bem-sucedida e do agrado dos encarregados de educação que vieram e referiram (e falo pela minha) que assim se sentem mais membros da escola e que lhes foi bom recordar tradições da sua juventude. Fernanda Ribeiro, nº 7, 12.º C     [...]
29 Junho, 2021No dia 17 de junho, a turma do 12.º ano, do Curso Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos, teve a honra de receber a visita de um antigo aluno deste curso, João Brízida, que se encontra a trabalhar na área, e do Stakeholder externo, Eng.º Nuno Mota, como monitor de Formação em Contexto de Trabalho. Este convite /encontro vem no sentido de dar testemunho do percurso escolar e experiência profissional do aluno e ainda consolidar parcerias extremamente importantes ao sucesso escolar dos nossos alunos. Somos uma Escola certificada, pela ANQEP, com o selo de qualidade EQAVET – Garantia da Qualidade na Educação e Formação Profissional – e, esta certificação de qualidade, só é possível graças ao trabalho colaborativo com os nossos Parceiros (Stakeholder). Assim, queremos continuar a contribuir para a educação e formação de alunos/cidadãos com as competências, conhecimentos e valores necessários ao sucesso pessoal e profissional, com vista à integração na vida ativa numa sociedade em constante mudança. O nosso Agrupamento quer fazer mais e melhor, neste sentido, um dos objetivos a que nos propomos, constantemente, é o de aumentar a empregabilidade dos nossos alunos diplomados. Acreditamos que a presença, na nossa escola, de empresários, especialistas e antigos alunos da área de formação é uma inquestionável mais-valia, que em muito pode ajudar. Com estes testemunhos e exemplos de boas práticas, pretende-se dar a conhecer realidades e projetos bem-sucedidos, inspirando os nossos alunos a participar e a desenvolver iniciativas semelhantes.   [...]
28 Junho, 2021No âmbito da divulgação do trabalho desenvolvido pelos alunos do Ensino presencial e da articulação entre a escola e a comunidade, no dia 24 de junho, o proprietário da empresa EletroBarrio, Sr. Alfredo Martins, stakeholder do Agrupamento de escolas de Mondim de Basto, participou numa sessão de partilha no âmbito das disciplinas da componente da formação técnica, com os alunos do Curso Profissional de Técnico de Instalações Elétricas (11.ºD), fornecendo o testemunho das suas experiências profissionais e práticas do mercado de trabalho. A Empresa EletroBarrio é das poucas empresas do ramo de Instalações elétricas no concelho de Mondim de Basto, sendo uma empresa de pequena dimensão que desenvolve atividade no ramo das instalações elétricas residenciais, instalações de telecomunicações, automatismos simples de uso residencial e reparações de equipamento elétrico. Enquanto stakeholder privilegiado nesta área profissional, a empresa acolhe alunos do curso em estágio/FCT, sendo por isso conhecida dos alunos da turma. Com estes testemunhos e exemplos de boas práticas, pretende-se dar a conhecer realidades e projetos bem-sucedidos, inspirando os nossos alunos a participar e a desenvolver iniciativas semelhantes e promovendo o espírito empreendedor e a capacidade de iniciativa. O Agrupamento, os alunos e os docentes envolvidos agradecem a disponibilidade do Sr. Alfredo e a amabilidade de nos ter visitado e dado o seu contributo neste processo de promoção de melhoria contínua. [...]
25 Junho, 2021Divulgação do Curso Profissional de Técnico de Instalações Elétricas O Técnico de Instalações Elétricas é o profissional qualificado que desempenha tarefas de carácter técnico, relacionados com as instalações elétricas de utilização de baixa e média tensão, instalações de telecomunicações em edifícios, de comando, sinalização e proteção, industriais e de distribuição de energia elétrica, de acordo com as normas de higiene, segurança e proteção do ambiente e os regulamentos específicos em vigor. Saídas Profissionais: Empresas da área de Eletricidade e Energia; Câmaras Municipais e outros serviços públicos; Indústria / empresas com processos automatizados de fabrico; Empresas de reparação de equipamentos eletrónicos; Empresas no ramo do projeto e orçamentação; Trabalhador por conta própria. Principais atividades a desempenhar por este técnico:  Selecionar criteriosamente componentes, materiais e equipamento com base nas suas características tecnológicas e de acordo com as normas e regulamentos existentes. Interpretar e utilizar corretamente manuais, esquemas e outra literatura técnica fornecida pelos fabricantes. Efetuar operações de correção, ajuste e manutenção segundo as instruções do fabricante. Analisar e interpretar anomalias de funcionamento e formular hipóteses de causas prováveis. Aplicar e respeitar as normas e regulamentos relacionados com a atividade que desenvolve. Aplicar e respeitar as normas de proteção do ambiente e de prevenção, higiene e segurança no trabalho. Executar instalações de baixa tensão, nomeadamente instalações de utilização, coletivas, alimentação, comando, sinalização, proteção e industriais. Efetuar a manutenção e reparação de instalações de utilização, industriais e distribuição de energia elétrica. Efetuar a instalação, manutenção e reparação de equipamentos específicos na área da domótica. Efetuar estimativas de custos e orçamentos de instalações.   Ver disciplinas [...]
23 Junho, 2021No âmbito do módulo Luz e Fontes de Luz, da disciplina de Físico- Química, do Curso Profissional do 11.º D, os alunos elaboraram alguns trabalhos em articulação com as professoras Bernardette Barreira e Arminda Rodrigues. A fim de divulgarem os respetivos trabalhos os alunos realizaram sessões abertas destinadas aos alunos do 5º e 6º anos, na sala A4. Este trabalho foi planificado com as docentes Maria de Jesus, Bernardette Barreira e Arminda Rodrigues. com o objetivo de envolver os alunos do curso profissional (Técnico de Instalações Elétricas), na transmissão e apresentação dos trabalhos práticos realizados no âmbito do Tema – Fontes de Luz. Assim, foi realizado previamente um estudo logístico de operacionalização da atividade pedagógica, para que, todas as turmas do 5º e 6º anos tivessem acesso e cujo objetivo se prendeu com a observação das fontes de energia e os seus processos de transformação e aplicação – circuitos elétricos. Esta atividade permitiu consolidar e relembrar aos alunos do 6º ano os conteúdos  sobre “Energias – Eletricidade”, do 5º ano que foi abordada no E@D 2019/2020 na disciplina de Educação Tecnológica e para todos os outros alunos do presente ano letivo (2020/2021). Também permitiu aos alunos do 11ºD transmitir aos mais novos os seus conhecimentos nesta matéria e que envolve o quotidiano da comunidade em geral. Os mais pequenos demonstraram muito  interesse e  curiosidade. Muito obrigada a todos aos alunos do 11.º D pela vossa dedicação e empenho. Obrigada ao Professor Luís Almeida e alunos do Curso  Muiltimédia por todo o apoio manifestado. Bem hajam. Parabéns! “Juntos iremos mais longe”   [...]
24 Março, 2021Já foi divulgado o despacho normativo com as informações do Regulamento das Provas de Avaliação Externa e das Provas de Equivalência à Frequência dos Ensinos Básico e Secundário para o ano letivo 2020/2021 (VER AQUI), que contém as informações sobre os exames nacionais. Assim, informa-se a comunidade escolar em geral e os alunos dos 11º e 12º anos em particular, que o período de inscrições para a 1ª fase dos exames nacionais e das provas de equivalência à frequência decorrerá entre os dias 24 de março e 15 de abril. As inscrições são realizadas exclusivamente através da Plataforma de Inscrição Eletrónica em Provas e Exames (PIEPE), cujo endereço é https://jnepiepe.dge.mec.pt Salienta-se que antes da inscrição é necessário proceder ao registo na referida plataforma. Na sequência do registo é enviado para o endereço de email indicado um link de ativação que estará ativo apenas durante 15 minutos. Se a conta não for ativada naquele período de tempo, é necessário proceder a novo registo.   Os alunos que pretenderem candidatar-se ao ensino superior público devem pedir a senha de acesso ao sistema de candidatura on-line da Direção-Geral do Ensino Superior  (https://dges.gov.pt/online/SenhaAcesso/ConsultarPedido.aspx) e, no ato de inscrição nos exames finais nacionais, devem inserir na PIEPE o recibo do pedido de atribuição de senha.   Qualquer dúvida ou esclarecimento entre em contato com os serviços administrativos do Agrupamento através do email – secretaria@agrmondimbasto.com – ou do contato 938597469 [...]
15 Março, 2021O Departamento de Línguas do nosso Agrupamento irá desenvolver, entre os dias 17 e 19 de março, a atividade “3 dias, 3 línguas”. Este artigo será atualizado, de forma regular, com todos os conteúdos multimédia, produzidos pelos alunos das várias turmas envolvidas. Francês Português No âmbito da disciplina de Português, da área transversal de Cidadania e Desenvolvimento e do projeto de  Educação Sexual do Curso profissional de Técnico de Instalações Elétricas ( turma do 11º D), os alunos realizaram um trabalho de pesquisa e tratamento de informação subordinado ao tema VAL –  Vida  Artes Letras, a partir do caso Gisberta. A realização deste trabalho visou, sobretudo,  o desenvolvimento de áreas de competência inscritas no PASEO e na disciplina de Português, em articulação com os projetos supramencionados. O resultado final pretendeu aliar o respeito pelos  princípios fundamentais da sociedade democrática e os direitos, garantias e liberdades em que esta assenta, a par da capacidade para utilizar de modo proficiente diferentes linguagens e símbolos associados à língua materna, à literatura, à música, às artes, às tecnologias.   ebook – Eu, confinado me confesso… Diário de um confinado – 8.º B A palavra de Vergílio Ferreira , com citações do mesmo autor e outros sobre a língua portuguesa. Vídeo produzido pela Professora Tina Gomes! 10.ºB – Português Inglês Clicar Aqui – Padlet Inglês                                                         [...]
25 Fevereiro, 2021A informação disponível no nosso site e no separador exames, irá sendo atualizada à medida que o Instituto de Avaliação Educativa (IAVE) for disponibilizando informações sobre as diferentes Provas para cada valência. Calendário das Provas e Exames 2020/2021 Link Despacho nº 1689-A/2021 de 12 de fevereiro – Altera os calendários de funcionamento das atividades letivas e educativas dos estabelecimentos de ensino e calendário das provas e exames (ver nota). Nota: No Quadro 2 do ANEXO VIII, onde se lê “14h00 — 11.º ano Desenho A (706)”, deve ler-se “14h00 — 12.º ano Desenho A (706)”; e onde se lê “14h00 — 12.º ano Filosofia (714)”, deve ler-se “14h00 — 11.º ano Filosofia (714)”. No ANEXO II, onde se lê “31 de dezembro de 2021”, deve ler-se “31 de dezembro de 2020”. Provas de aferição do 2.º, 5.º e 8.º anos: entre 14 e 21 de junho. Componente oral da prova de inglês de 5.º ano – entre 27 de maio e 9 de junho. Devido às suas caraterísticas e ao período em que se realizariam, as provas de aferição de 2.º ano de Expressão Artística e de Educação Física foram, desde já, excluídas do calendário. Provas finais de ciclo de 9.º ano: 1.ª fase: 28 de junho a 2 de julho, com afixação de resultados a 19 de julho. 2.ª fase: 21 a 23 de julho, com afixação de resultados a 3 de agosto. Exames Finais Nacionais do Ensino Secundário: 1.ª fase: 2 a 16 de julho, com afixação de resultados a 2 de agosto. 2.ª fase: 1 a 7 de setembro, com afixação de resultados a 16 de setembro. Informações: – Informações de Prova – Aceda à informação geral das Provas de aferição, provas finais do 9º ano e exames nacionais do secundário link – Informação complementar relativa às provas de avaliação externa a realizar em 2021 link. Nesta são apresentadas as soluções técnicas que visam dar resposta à realização das provas de avaliação externa referidas e aos respetivos procedimentos de classificação, garantindo aos alunos as melhores condições de desempenho e de equidade na realização e na classificação das mesmas. [...]
23 Fevereiro, 2021O que é o orçamento participativo das escolas? É um processo democrático, com várias etapas, que garante aos estudantes a possibilidade de participarem, de acordo com as suas ideias, preferências e vontades, no desenvolvimento de um projeto que contribua para a melhoria da sua escola. O Orçamento Participativo das Escolas (OPE) pretende fomentar o espírito de participação e de cidadania e valorizar a opinião dos estudantes em decisões que os afetam diretamente. Com o OPE estimulam-se as escolhas responsáveis, a familiaridade com os mecanismos do voto e a participação na execução das escolhas efetuadas. Montante a atribuir ao projeto vencedor O valor do orçamento participativo é de 500 euros. Quem pode participar? Podem participar os estudantes do 3.º ciclo do ensino básico e do ensino secundário, em qualquer via de ensino. Calendário das Candidaturas ao Orçamento Participativo 2021 Este ano, tendo em consideração os constrangimentos causados pela pandemia da doença COVID-19, fica ao critério de cada estabelecimento de ensino definir os moldes e os prazos do Orçamento Participativo das Escolas. As escolas devem apenas assegurar que os resultados são conhecidos até ao final do presente ano letivo e que as medidas são executadas até ao final do ano civil. As propostas de projeto podem ser inseridas neste link ou através do coordenador do OPE da escola, o professor Carlos Macedo. Todas as informações na página oficial do OPE: https://opescolas.pt A DGEstE mantém-se também ao dispor para questões que possam surgir, através do endereço eletrónico: ope@dgeste.mec.pt.   [...]
6 Fevereiro, 2021Associação de estudantes do AEMB CARNAVAL ONLINE A Associação de Estudantes da Escola, em colaboração com as restantes estruturas do Agrupamento, irá promover um concurso de Carnaval “Online”. Como todos sabem, o Carnaval 21 está a chegar e, mantendo a nossa tradição especial, irá decorrer um concurso do “Melhor vídeo com disfarce/máscara do  Agrupamento“. O concurso tem como finalidade promover a criatividade e a imaginação. Os vídeos vencedores serão os 3 mais votados. A votação decorrerá pelas redes sociais. Cada vídeo não poderá ter a duração superior a 1 minuto. Toda a comunidade educativa poderá participar desde os alunos do jardim de infância, do ensino básico, do ensino secundário regular e profissional (com a devida autorização que segue em anexo), os professores, os funcionários, até aos Pais e Encarregados de Educação. Os disfarces/máscaras terão como tema “Continuar Alvão“ e poderão ser produzidos de forma artesanal, com os materiais que acharem pertinentes. Cada participante poderá concorrer com um só vídeo e terá de ser enviado, via e-mail, para: aeaemb@agrmondimbasto.com, até às 23:30 horas, do dia 12 de fevereiro (sexta-feira). Os melhores vídeos do “Carnaval 21” serão sujeitos a duas fases de escrutínio. A 1ª fase é a seleção dos três melhores  de cada ciclo de ensino, professores, funcionários e pais/E.E., através de um júri designado para o efeito. A 2ª fase, inicia-se sábado, 13 de fevereiro (prolongando-se pelos dias 14,15 e 16 de fevereiro), com votação online, na página, youtube e redes sociais da escola. Nesta, finalizar-se-á o processo de seleção dos três vencedores. Os vídeos vencedores serão divulgados dia 17 (quarta –feira). Os prémios e distinções no concurso serão as seguintes: 1º-Nomeação do Rei e Rainha do carnaval do Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto; 2º-Nomeação da família mais carnavalesca; 3º-Todos os participantes serão distinguidos com um certificado de participação. Ligações com os documentos para participação na atividade: Regulamento do concurso de fantasia Ficha de inscrição/autorização [...]
18 Dezembro, 2020Este ano, devido às restrições por causa da pandemia, a Festa de Natal do nosso Agrupamento não se pôde realizar nos moldes tradicionais. Assim, decidimos adaptarmos-nos às circunstâncias e inovar, levando-a a efeito através de uma emissão em direto, através do Youtube. Desta forma, cada turma pôde assistir às atividades, cada qual na sua sala de aula, onde foi projetada. Procurámos também chegar aos alunos que se encontram em isolamento profilático, a toda a Comunidade e a todo o mundo. Para além das atividades preparadas de antemão pelos alunos e professores do nosso Agrupamento, pudemos contar com o empenho e colaboração de muitas pessoas que nos enviaram mensagens natalícias gravadas: o Ministro da Educação, Professor Doutor Tiago Brandão Rodrigues, a Diretora do nosso Agrupamento, professora Isabel Coutinho, a Presidente da Câmara Municipal de Mondim, professora Teresa Rabiço, o Bispo de Vila Real, Dom António Azevedo, o Presidente da Associação de Pais, Sr. Carlos Martins, o Diretor do CFAE de Basto, Doutor João Carlos Sousa, o cantor Pe. Víctor Silva, a atriz Rita Frazão, e o testemunho de vários antigos alunos. Um grupo de alunos do Agrupamento de Escolas Fernão de Magalhães, Chaves e Vidago também nos enviou uma simpática mensagem. A todos o nosso reconhecimento e gratidão. Uma palavra especial para os apresentadores Francisco Ribeiro e Guilherme Ribeiro pelo seu excecional trabalho, disponibilidade e “profissionalismo”. Correndo o risco de nos esquecermos de alguém, agradecemos a todos os que, de forma direta ou indireta, nos ajudaram a tornar esta aventura, realidade. Foi um sucesso! Fizemos história! Votos de um Feliz Natal, rápidas melhoras para quem se encontra doente, e um próspero 2021.   [...]
14 Dezembro, 2020Os alunos da turma 10.°C, dos Cursos Profissionais Técnico de Multimédia e Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos, realizaram uma atividade no âmbito da componente de formação de Cidadania e Desenvolvimento, domínio “Instituições e Participação Democrática”. Os alunos aceitaram o convite dirigido ao Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto por parte da Direção-Geral da Educação (DGE) e, em articulação com a Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP), juntaram-se às comemorações do 75.º aniversário da Organização das Nações Unidas (ONU) e do 65.º aniversário da adesão de Portugal à ONU. A atividade consistiu na conceção de cartazes para criar uma Sala dos Retratos de Portugueses que desempenharam ou desempenham papéis relevantes na ONU. Estão descritas as funções e síntese da relevância internacional de uma decisão assumida. Para a realização da Sala Virtual, editaram o vídeo os estagiários da turma 12.°C, do Curso Técnico de Multimédia, David Ferreira e Diana Leite. O trabalho e vídeo realizados foram divulgados pela DGE através da realização de uma cerimónia pública (presencial ou à distância), no dia 14 de dezembro, por ter sido o dia em que o Conselho de Segurança da ONU votou favoravelmente a entrada de Portugal na Organização, em 1955. Disponibiliza-se a Sala Virtual dos Retratos de Portugueses na ONU no sítio do Agrupamento e os cartazes estão expostos na Escola.     [...]