atividades

Luz – POEMA – Maria Inês Torres 11.ºA

 

Poema inspirado na melodia de “Hallelujah”

Sou o segredo da luz que renasce da alegria.

Vivo esperançosa pela imensidão da simplicidade,

Não me prendo a hostilidades nem ociosidade.

Juro viver num corpo de plenitude

Sucumbindo às adversidades e lutando por verdade,

Porque este mundo é cruel mas eu grito o meu medo!

O meu medo e desafinação porque….

Aprendi a tocar a viola da minha jornada

Rendendo-me às notas do tempo e do amor.

E habito num corpo metamorfizado

Que renasce da obscuridade

E petrifica os valores desassossegadamente

Num alento caloroso e sublime

Dentro do coração.

Um coração que aterriza as extremidades de luz,

Quando me quero transformar num vampiro escuro e hipócrita,

Pois não quero ser um sugador de sonhos

Mas um discípulo de resiliência e esperança.